Realidade

andorinhaVivemos atolados e sofrendo na nossa arrogância

Idealizamos nossos projetos sem muita prudência

Confiamos em tudo que se passa em nossas cabeças

Plenamente convictos, apenas em nossas crenças.

 

Queremos que tudo seja conforme planejamos

Mas, nem sempre a realidade é o que ensejamos

Que e o ideal “seria”, do nosso “jeito”, ledo engano

Nem sempre a vida se agrega aos nossos  planos.

 

Criamos uma realidade confortável, na emoção…

Sem a flexibilidade em rever dentro do contexto real

Onde as diferenças fazem parte dos convívios sociais.

 

Necessário dar um tempo ao processo de maturação 

Para que a aceitabilidade seja compreendida ao natural

Que o universo tem suas diversas complexidades reais.

 

 

 

 

Produção: Miriam Carmignan

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s