Escapulário

escapulario

Estava ela a desatar o escapulário todo enodado

Largou-o imediatamente para ir ao teu encontro

Recolhe-a em teus abraços, um eterno conforto

Aprazível afeto sentiu no coração! Eternizado…

 

Retornas para casa onde abrigastes teus sonhos

Estranheza com as modificações, ficas apavorada!

Mobilhas  destruídas pelos tempos, abandonadas!

Abre tudo para arejar e o sol entra todo risonho.

 

No lado de fora uma vala com lama. Reclamam…

Profanando os encantos do canteiro de flores

Que cultivastes juntamente com teus amores.

 

Entoas um cântico de amor enquanto te amparam

Bendizendo que nada tinhas e só queres as flores

Silenciando, soletra… Que sejam de muitas cores…

 

 

Produção: Miriam Carmignan

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s